Oi, pessoal! Confiram abaixo os lançamentos mais aguardados do mês de julho de 2021!


O senhor da guerra (Vol. 13 Crônicas Saxônicas), de Bernard Cornwell
Lançamento: 05/07/2021
Editora: Record


Resumo: Após anos lutando para recuperar a fortaleza que era sua por direito, Uhtred retornou à Nortúmbria e a tomou de seu tio traiçoeiro. Agora, com seus guerreiros leais e uma nova companheira, a fortaleza de Bebbanburg parece em segurança. Uhtred, entretanto, está longe de gozar da mesma tranquilidade. Para além das muralhas inexpugnáveis de Bebbanburg, tem início uma disputa por poder. Ao sul, o rei Æthelstan unificou os reinos de Wessex, da Mércia e da Ânglia Oriental, e agora tem os olhos voltados para a realização irrevogável do sonho de seu avô Alfredo: a criação de um único reino unificado na Britânia. Enquanto isso, ao norte, o rei Constantino e outros líderes escoceses e irlandeses desejam ampliar suas fronteiras, cientes da ameaça que Æthelstan representa. O jovem monarchus totius Britanniae, o monarca de toda a Britânia, ainda não conquistou a Nortúmbria, o último reino ao norte, as terras que fazem fronteira com a Escócia de Constantino. No olho da tempestade está Uhtred. Preso por um juramento a Æthelstan, mas em busca de paz em sua querida Nortúmbria, ele se vê ameaçado e subornado pelos dois lados do conflito, enquanto precisa encarar uma escolha impossível: manter-se longe da disputa, arriscando sua liberdade e a perda da formidável Bebbanburg, ou se lançar na guerra rumo à mais terrível batalha que os reinos já enfrentaram. Só o destino dirá o resultado. O senhor da guerra é o 13º volume das Crônicas Saxônicas. Depois de anos acompanhando a saga de Uhtred para recuperar a fortaleza de Bebbanburg e a luta de Alfredo e seus descendentes em busca da unificação dos reinos da Britânia, temos, enfim, seu desfecho épico: a batalha mais sangrenta travada até então, um dia histórico que pode ser considerado o evento fundador da Inglaterra.



Meu corpo virou poesia, de Bruna Vieira
Lançamento: 16/07/2021
Editora: Seguinte


Resumo: Em 2017, Bruna Vieira fez as malas, deixou a vida no Brasil de lado e foi escrever uma nova história em outro país, vestida de coragem e guiada por um sentimento que sempre foi sua maior prioridade: o amor. Com o tempo, porém, os dias foram ficando cada vez mais longos e solitários. Era como se naquele lugar o amor tivesse perdido o equilíbrio e se tornado uma obrigação. Foi bem perto do fim e de jeito mais frio que ela finalmente se deu conta: é impossível ser “nós” sozinha. Formado por quatro partes ― cabeça, garganta, pulmão e ventre ―, este livro é um mapa. Um mapa que leva Bruna de volta à escrita e a si mesma. São relatos reais, repletos de lembranças, aprendizados e cicatrizes, que agora deixam o corpo da autora para encontrar o seu, em forma de poesia. Ao tocar em temas como autoestima, amizade feminina e relacionamentos (com o outro e sobretudo consigo mesma), Bruna olha para dentro e nos convida a percorrer nestes versos nossa própria viagem de autodescoberta.

Mãe, de Hugo Gonçalves
Lançamento: 13/07/2021
Editora: Companhia das Letras


Resumo: Perto de fazer quarenta anos, Hugo Gonçalves recebeu o testamento do avô materno dentro de um saco plástico. Iniciava-se ali uma viagem, geográfica e pela memória, há décadas adiada. O primeiro destino: a tarde em que recebeu a notícia da morte da mãe, em 1985, quando regressava da escola primária. Durante mais de um ano, o escritor procurou pessoas e lugares, resgatando aquilo que o tempo e a fuga o tinham feito esquecer ou o que nunca soube antes sobre a mãe. Das férias da infância aos desgovernados anos em Nova York, ele foi recolhendo os estilhaços do luto: os corredores do hospital, o colégio de padres, uma cicatriz na perna, o escape do amor romântico, do sexo e das drogas ou uma road trip com o pai e o irmão. Gonçalves faz um relato biográfico sobre o afeto, as origens, a família e as dores de crescimento, quando já cruzamos o arco da existência em que deixamos de fantasiar apenas com o futuro e precisamos enfrentar o passado. E o livro é também, inevitavelmente, uma homenagem à figura da mãe, ineludível presença ou ausência nas nossas vidas.



Livros de Sangue: Volume 2, de Clive Barker
Lançamento: 15/07/2021
Editora: DarkSide Books


Resumo: Para um cirurgião, cortar o corpo humano é uma arte. Músculo e carne são sua tela, o bisturi sua ferramenta. Ele estuda a composição dos órgãos ― seu equilíbrio e forma ―, a estrutura dos ossos e a delicada rede de vasos sanguíneos. Ele faz sua incisão, cortando, cortando sem hesitar. Clive Barker é um cirurgião das palavras. Ele sabe como o corpo humano pulsa. Ele sabe como o sangue quente se expande por veias, artérias e músculos. Todos abraçados por uma fina membrana de pele. E então jorra... Um nome marcado a sangue na memória de todos os leitores macabros que mergulharam nas imagens sombrias e viscerais criadas pela mente de um grande artista, Clive Barker é inigualável em sua criação. A Macabra Filmes, em parceria com a DarkSide® Books, avança mais um passo no sonho dos fãs de horror no Brasil: a antologia de Livros de Sangue chega em seu segundo volume com o tratamento ímpar que o mestre merece. Neste segundo volume, Barker combina o comum com o extraordinário enquanto irradia o erotismo que virou sua assinatura. A escrita poética e provocante do mestre do horror visceral nestes cinco contos nos leva por novos caminhos e dá vida a pesadelos e visões impossíveis de esquecer com experimentos macabros, competições infernais, poderes incontroláveis, monstros impetuosos e assassinatos que clamam por resoluções.



O chamado do falcão (Vol. 1 - O Sonhador), de Maggie Stiefvater
Lançamento: 12/07/2021
Editora: Record


Resumo: Os sonhadores caminham entre nós… e o mesmo acontece com os sonhados. Aqueles que sonham não conseguem parar de sonhar – só podem tentar controlar o fenômeno. Aqueles que são sonhados não podem ter vida própria – eles dormirão para sempre se seus sonhadores morrerem. E depois há aqueles que são atraídos pelos sonhadores. Para usá-los. Para prendê-los. Para matá-los antes que seus sonhos destruam todos nós. Ronan Lynch é um sonhador. Ele pode extrair tanto curiosidades quanto catástrofes de seus sonhos e colocá-las em sua realidade comprometida. Jordan Hennessy é uma ladra. Quanto mais ela se aproxima do objeto dos sonhos que procura, mais inextricavelmente se torna ligada a ele. Carmen Farooq-Lane é uma caçadora. Seu irmão era um sonhador… e um assassino. Ela viu o que os sonhos podem fazer com uma pessoa. E viu o dano que os sonhadores podem causar. Mas isso não é nada comparado à destruição que está para ser desencadeada… O chamado do falcão é uma história hipnotizante de sonhos e desejo, morte e destino.



Como se tornar inesquecível, de Dale Carnegie
Lançamento: 14/07/2021
Editora: Sextante


Resumo: Seja na sua profissão, no seu círculo social ou em qualquer projeto, este livro mostra como desenvolver as qualidades para você se destacar na multidão e ser lembrado como alguém extraordinário. As melhores ideias jamais sairão do papel se não forem transmitidas com paixão, assim como o mais preparado do grupo jamais será um grande líder se não souber comunicar sua visão. Conteúdo, eficiência ou técnica não bastam: você precisa se mostrar inesquecível para ocupar um lugar especial no mundo. Em Como se tornar inesquecível, você vai aprender os segredos para causar uma impressão positiva e duradoura. Depois que você aprender como se destacar naturalmente, as pessoas à sua volta começarão a reagir a você de modo mais aberto e amigável do que nunca.



Foundryside: às margens da fundição, de Robert Jackson Bennett
Lançamento: 26/07/2021
Editora: Morro Branco


Resumo: Sancia Grado é uma ladra, e é excelente no que faz. Assim, seu alvo mais recente, um armazém superprotegido no cais de Tevanne, não é nada que suas habilidades únicas não possam resolver. Porém, sem saber, Sancia foi enviada para roubar um artefato que tem um poder inimaginável, um objeto que poderia revolucionar a tecnologia mágica conhecida como “inscrição”. As casas comerciais que controlam tal magia – a arte de usar comandos codificados para dar vida a objetos cotidianos – já a utilizaram para transformar a cidade de Tevanne em uma enorme e impiedosa máquina capitalista, mas agora buscam liberar os segredos do artefato para atingir objetivos ainda maiores. Com a sua cabeça à prêmio e uma revolução em curso, Sancia terá de dominar o poder do artefato e se unir aos mais improváveis aliados, se quiser sobreviver. Será ela capaz de arcar com a própria transformação para impedir uma guerra secreta que poderá reescrever a própria realidade?


Jane Eyre, de Charlotte Brontë
Lançamento: 19/07/2021
Editora: Penguin


Resumo: Era outubro de 1847 quando, em Londres, só se falava sobre Jane Eyre, escrito pelo misterioso Currer Bell (que mais tarde revelou-se pseudônimo de Charlotte Brontë). Acusado de "jacobinismo moral" por advogar pela igualdade, o romance foi fortemente debatido pelo circuito literário, bem como pelos milhares de leitores que conquistou. A vida de Jane Eyre, pobre órfã condenada a vagar por diferentes casas e famílias até encontrar seu próprio pouso, emociona leitores há mais de dois séculos, versando sobre a educação de uma preceptora e os desafios enfrentados por diferentes mulheres do século XIX, independentemente da posição social em que se encontravam. Com uma maestria narrativa ímpar sobre poder e conflito, Charlotte Brontë cria aqui um dos romances mais emblemáticos da língua inglesa, que ultrapassa barreiras ao tocar em questões universais e atemporais, como ambição, vingança, diferenças sociais e, claro, amor.