A família de Ronnie James Dio divulgou nas redes sociais que irão lançar uma autobiografia do cantor no dia 27/07/2021

Antes de sua trágica morte em 2010, Ronnie James Dio estava escrevendo sua autobiografia, relembrando a vida notável que o levou de sua cidade natal no interior do estado de Nova York aos maiores palcos do mundo, incluindo a arena que representou o auge do sucesso para ele - Madison Square Garden, onde este livro começa e termina.


Enquanto Ronnie contempla a realização de um sonho, ele reflete sobre os principais aspectos que contribuíram para sua carreira de sucesso - a gangue de amigos que lhe deu seu início na música, tocando em festas, bares, fraternidades e clubes; a transição repentina que o moveu para o microfone e mudou sua vida para sempre; a sorte que o levou ao nascimento da banda Rainbow e a uma colaboração produtiva, mas difícil, com Ritchie Blackmore; o encontro casual que o tornou o segundo cantor do Black Sabbath, levando-os a novos patamares de sucesso; a história surpreendentemente terna por trás do nascimento dos chifres do diabo, o símbolo do heavy metal; seu casamento com Wendy, que estabilizou sua vida, e a grande aposta que fizeram juntos para lançar o empreendimento de maior sucesso de sua carreira - sua própria banda, Dio.

Tudo é descrito com muitos detalhes e de forma muito franca, desde sua briga com Blackmore até as drogas que atrapalharam a ressurreição do Black Sabbath e os confrontos de personalidade que desgastaram cada banda.

O livro foi escrito em parceria com sua esposa, Wendy Dio, e com o amigo de longa data e estimado biógrafo musical, Mick Wall. Os dois assumiram a responsabilidade de finalizar o livro após a morte de Ronnie.